Ipeúna decreta estado de emergência Imprimir E-mail
Notícias - Notícias 2018
Seg, 28 de Maio de 2018 17:55

O prefeito José Antonio de Campos promulgou estado de emergência no município, por meio do Decreto Nº23/2018, assinado nesta segunda-feira (28), em razão do desabastecimento de bens, produtos e gêneros de primeira necessidade. Para o enfrentamento da situação de emergência foi criado, a cargo do Gabinete do Prefeito, o Comitê de Gerenciamento de Crise, em conjunto com as secretarias de Governo e Finanças, Educação, Obras, Saúde e Procuradoria Jurídica.

O Comitê deverá propor e adotar medidas preventivas ou reparadoras, administrativas e judiciais, visando à manutenção dos serviços públicos essenciais à população. O Comitê está monitorando a situação de abastecimento e operação dos serviços essenciais e já determinou algumas mudanças.

Serão mantidos apenas os serviços públicos essenciais, tais como:

- Saúde: atendimento de urgência e emergência; transporte de pacientes e de materiais biológico, gases medicinais e diesel para geradores, distribuição de insumos, vacinas e medicamentos;

- Educação: funcionamento apenas da casa-lar, com a distribuição de gêneros alimentícios;

- Coleto de Lixo: reduzida a 1/3 de sua capacidade vigente;

- Serviço funerário.

As medidas valem até a cessação da situação de emergência.